segunda-feira, 15 de fevereiro de 2010

Gravitation


Exatamente, to afastado mas num to morto! ahuahu Portanto, vim falar desta obra, muito legal escrita e desenhada pela mangaká Maki Murakami. Para quem não sabe, Gravitation é uma história de comédia com Yaoi (neste caso ta mais pra Shonen AI). Mas o que vim falar não é da história em si e sim do grande progresso feito no país quando esse mangá foi publicado. Por que? Pra quem não sabe, Yaoi é o termo utilizado para designar mangás com teor homossexual. E num país como o brasil em que Dragon Ball's, Yu Yu Hakusho's, Bakugan's e Pokémon's reinam, foi de extrema audácia da editora JBC lançar este título que difere não só por ter uma relação homossexual e sim por ser uma história leve e divertida com suas pitadas de drama! Foi realmente uma investida no incerto, e claramente corajosa, mas claro que isso teve suas consequências. Em alguns estados do Brasil que tem uma distribuição setorizada, o mangá simplesmente foi boicotado. Exatamente, o mangá simplesmente não foi lançado em estados como o Amapá, Rio Grande do Sul e choquem: na Bahia!
Sabem o que é o mais engraçado? É que as autoridades responsáveis alegaram alto teor de erotismo e que o mangá era impróprio para as crianças. A questão é que na própria capa do produto, está esplícito que a faixa etária do conteúdo é de 18 anos! E mais, a JBC se encarregou de não permitir que as ditas "crianças" não abrissem o produto e portanto vendeu todas as edições dentro de um plástico. E falo mais ainda: A ONDE GRAVITATION TEM TEOR SEXUAL??? Só se for na singela buceta arregassada da mulher do viado do responsável por legalizar a distribuição do mangá.... Porque a única "citação" sexual que existe no mangá, é quando os protagonistas entram num quarto e fecham a porta... Mais nada. Portanto, bem se vê a hipocrisia das autoridades e a lastimável falta de informação e argumento, e claro, a extrema burrice por em pleno século 21 insistir em achar que quadrinhos e animações são coisas de crianças!
Anyway, a editora JBC está de parabéns pela coragem de trazer este maravilhoso título, que apesar dos apesares, está longe de chamar atenção só pela relação entre os protagonistas, mas sim pela história de Shuishi e a banda Bad Luck!

3 comentários:

Klaus disse...

Bom...,não é o meu preferido, mas gostei quando li a primeira vez, mesmo porque foi o primeiro mangá desse tipo que li!!!
Gosto muito das músicas do anime!!!
Enquanto as ditas autoridades se preocupam em proibir um simples mangá só porque ele trata de uma coisa tão natural..., deixam de dar atenção a coisas bem mais importantes do que uma simples leitura!!!
Aaah!!!
Outra coisa, ler mangá com temática yaoi é imoral né???
O certo é sair no carnaval pelado(a) e ainda passar na TV!!!^^


Palmas para as autoridades desse país!!!

Daniii disse...

é engraçado como eles fazem isso com um mangá, e fazem o favor de colokar doi homosexuais no relity show mais assistido no brasil inteiro, que por sinal só tem putaria e passa no horario nobre, e outra coisa tbm dão um grande apoio pra parada gay mas para um manga 18+, isso é ridiculo acham aki que revista em quadrinhos é só para crianças.

carlos disse...

O/